Marxismo, Feminismo e a Libertação da Mulher – Por Sharon Smith

feminismosemdemagogiaOriginal

mulher-árabe

Parte 1

Inês Armand, a primeira líder do departamento de mulheres da Revolução Russa de 1917, fez a seguinte observação: “ Se a libertação da mulher é impensável sem o comunismo, então o comunismo é impensável sem a libertação da mulher”. Esta afirmação é a síntese perfeita da relação entre a luta por socialismo e libertação da mulher – uma coisa não é possível sem a outra.

E a tradição marxista tem, desde seu início, com os escritos de Karl Marx e Frederick Engels o engajamento pela libertação da mulher. Na época em que foi escrito o ‘Manifesto Comunista’, Marx e Engels questionavam o fato de que as classe dominante oprime as mulheres, relegando a elas uma segunda classe de cidadania na sociedade e na família: “O burguês vê em sua esposa um mero instrumento de produção… Ele sequer suspeita que o real ponto almejado (por quem é comunista) é…

Ver o post original 4.605 mais palavras

Anúncios
Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário

Precisamos falar de forma honesta sobre a Venezuela – Mike Gonzalez

Importante contribuição de Mike Gonzalez sobre a Venezuela. O artigo foi publicado originalmente no site Jacobin, no dia 08 de julho, portanto semanas antes das eleições para a Constituinte convocada pelo governo Maduro. Gonzalez foge da visão esquemática que reduz a discussão a duas posições: a favor do governo Maduro ou a favor da direita. A presente tradução foi postada no site Voyager. Tradução de Henrique Terceiro. 

A Venezuela aprofunda sua crise política e econômica a cada dia. O número de mortos aumenta sem cessar, e não há sinais de que a violência nas ruas diminua.

Em 27 de junho, saqueadores vandalizaram a cidade de Macaray; queimaram lojas, paradas de ônibus, prédios do governo e residências numa única noite. Dois dias depois, foi a vez da cidade de Barquisimeto. Continuar lendo

Publicado em Conjuntura, Internacional | Marcado com , , , , | Deixe um comentário

Retornando

Desde a última postagem, há pouco mais de um ano, mudanças importantes ocorreram no Brasil e no mundo todo. Infelizmente, problemas de saúde não me permitiram manter o site atualizado durante esse período tão importante. Mas, finalmente, após essa longa ausência, estamos retornando às atividades.

Faremos todos os esforços possíveis para que “Socialismo sem Fronteiras” cumpra o objetivo de ser um espaço de divulgação de ideias e reflexões sobre as inúmeras questões que a realidade tem nos colocado.

R. Polly

 

 

Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário

O Senhor dos Anéis e o PT – Sérgio Domingues

O texto abaixo é de março de 2002. Portanto, poucos meses antes da eleição de Lula para a Presidência da República. No momento em que o chamado “lulismo” parece fadado a sofrer uma enorme derrota, talvez alguns elementos nele presentes ajudem no necessário e imprescindível balanço sobre o que vai se desenhando como uma derrota histórica para toda a esquerda e o conjunto dos explorados e oprimidos, e não apenas para os que apostaram no equivocado projeto petista.

 O Senhor dos Anéis e o PT

No livro de Tolkien, é preciso saber como e quando usar o anel do mal para poder destruí-lo. Na atual fase da luta de classes no país, o PT encontrou na institucionalidade o seu anel do mal.

O protagonista do livro O Senhor dos Anéis chama-se Frodo. Sua missão é devolver um anel maligno à forja em que foi criado por Sauron, o Senhor do Mal. Esta é a única forma de destruir o anel, que confere poderes a quem o usa, mas também pode corromper e transformar seu usuário em escravo do Senhor do Mal. Continuar lendo

Publicado em Conjuntura, Movimentos Sociais, Socialismo | Marcado com , , | Deixe um comentário

Estratégia e Tática em Lenin, por Tony Cliff

lenin

Nos dias de hoje, marcada pela crise política do governo Dilma e pela confusão generalizada na esquerda, a questão da estratégia e da tática ganha relevância. Diante da importância desse tema, divulgamos este importante texto de Tony Cliff, extraído da sua importante biografia de Lênin em três volumes. A presente tradução foi feita há alguns anos, com o único intuito de utilizá-lo em um curso de formação, o que explica (embora não justifique) algumas imperfeições na forma. Decidimos divulgá-lo mesmo assim, por acreditarmos que a sua contribuição para o debate político atual supera eventuais imprecisões na tradução. De toda maneira, quaisquer equívocos ou falhas são de nossa inteira responsabilidade. Tony Cliff foi um marxista judeu palestino que viveu a maior parte de sua vida na Grã-Bretanha, tendo sido figura central na fundação do Socialist Workers’ Party (GB) e da corrente internacional International Socialists Tendency.

R. Polly

Estratégia e Tática

(Lenin Aprende de Clausewitz)

Tony Cliff

O período de vinte anos entre 1894 e 1914 presenciou um enorme avanço na maturidade do movimento operário russo. Este desenvolvimento foi uma escola viva de tática e estratégia. Lênin cresceu junto com o movimento, influenciou-o e foi influenciado por ele. Essas duas décadas constituíram uma preparação longa, para ele e para a classe trabalhadora como um todo, para o maior teste, tanto da tática quanto da estratégia – a terrível carnificina da guerra e o seu término pela revolução. As lições mais intensivas deste período preparatório foram proporcionadas pela Revolução de 1905 e o período subsequente. Continuar lendo

Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário

Carta de rompimento de Natalia Sedova Trotsky com a IV Internacional

natalia sedova0

Esta carta de Natalia Sedova à direção da IV Internacional data de 1951. Foi publicado em junho daquele ano na Revista Labor Action. Natalia foi companheira de Trotsky de 1903 até o seu assassinato em 1940. Ela foi militante revolucionária desde a juventude até seus últimos dias em México. Nesta carta, Natalia Sedova aponta as contradições da política da IV Internacional, especialmente na caracterização dos regimes stalinistas surgidos durante e após a II Guerra como “Estados operários degenerados”. Continuar lendo

Publicado em Marxismo, Socialismo | Marcado com , , , , | 1 Comentário

A resposta das ruas contra a militarização da polícia, da política, da vida

livro_desmilitarizacao_gd

Sergio Domingues resenha “Desmilitarização da polícia e da política: uma resposta que virá das ruas”, coletânea de textos organizada por Givanildo Manoel da Silva e publicada pela Editora Pueblo.

Continuar lendo

Publicado em Direitos Humanos | Marcado com , , | Deixe um comentário